Por que eu resolvi virar um Nômade Digital

Trabalhava há alguns anos na estrada, cheguei a passar dois terços de alguns viajando e dormir quatro noites seguidas em quatro cidades diferentes, todas separadas por horas de avião. Precursor do Nomadismo Digital quando nem se falava de Internet?

Não. Um consultor cheio de contas para pagar, que mal via o filho crescer, executando um treinamento de sistema e que precisava ser adequado à empresa.

Mas nesses anos todos, eu gostava de andar pelas ruas, visitar algum lugar não turístico, viver um pouco como habitante, respirar hábitos. Trabalhava remotamente 12 horas por dia, fazendo algo que eu realmente gostava e conhecendo lugares.

Aí sim, eu era um precursor do Nomadismo Digital e o Facebook mal engatinhava.

Anos depois, divórcio, filho independente, uma demissão e velho demais para o emprego no escritório, cada dia mais afastado do mundo corporativo, encarando a revolucionária arena do Mercado de Trabalho e Negócios Digitais.

E descobria um mundo sem limite para boas ideias, sem importar a distância, o meio e, principalmente, o seu estilo de vida. O que importa é estar presente e fazer a sua engrenagem girar no tempo certo do motor funcionar.

E por que eu resolvi virar um Nômade Digital?

Porque escrevo este artigo para o meu Blog entre um e outro Conteúdo Web que entregarei ainda hoje, e são 21:30 em Bruxelas. Sem problemas, já conheço a noite da cidade e dormirei satisfeito. É verão, poderei aproveitar quando acordar. A empresa que contrata meus serviços de Marketing Digital fica em Viena e eu nunca fui lá.

A vida de Nômade Digital une o desejo de estar no mundo com a liberdade pessoal, a possibilidade de fazer vários trabalhos interessantes e ganhar dinheiro com isso.

Mas você não veio até aqui para ouvir só boas notícias. Você quer ser Nômade Digital e sabe que os desafios são muitos. E talvez eu possa ajudar!

1. Entenda o verdadeiro espírito da vida de Nômade Digital

A vida de Nômade Digital é extremamente prazerosa, mas é a combinação de satisfação pessoal e profissional com as responsabilidades em ambas.

É preciso ser amante de estar no mundo, conhecer culturas, lidar com situações novas a cada dia, gostar de viver em lugares paradisíacos e repletos de cultura.

Mas aqui fica a minha Dica Valiosa 1: cada cidade tem os seus problemas – custo de vida, segurança, hábitos – e você estará sempre trabalhando em um período do dia.

Não é se jogar, aproveitar ao máximo e ir vendo como fica.

Esse é o Mochileiro, não é o Nômade Digital.

2. Descubra o que te motiva a viver a vida de Nômade Digital

Experiência própria: não adote este estilo de vida se a sua motivação não for a vida de Nômade Digital.

Cair na estrada porque teve frustrações pessoais ou profissionais ou anda muito violento só vai gerar mais frustração, as exigências da nova vida são grandes demais para quem não deseja de verdade.

Neste caso, o Sabático é o ideal para recarregar baterias e voltar renovado.

3. Pesquise muito sobre os trabalhos para um Nômade Digital

As possibilidades são infinitas, e isso é ótimo.

Pode escolher o que combina com as suas habilidades, sua experiência profissional atual, como cada uma funciona em cada lugar – se existe contrato, se a cultura é freelancer, onde tem melhor remuneração.

Os Negócios Digitais são os ideais no Nomadismo Digital, você pode trabalhar em qualquer lugar e todo o trâmite é eletrônico.

Existe informação de qualidade, como aqui no blog, mas deixo a Dica Valiosa 2: escolha o que você realmente vai gostar de fazer.

Dinheiro é importante, mas não tem Paris que compense trabalhar insatisfeito, com neve lá fora e a Delicatessen não faz entrega. Satisfeito, a neve nem está tão alta assim.

4. Você não vai romper laços. Mas vai estica-los

Um dia trabalharemos em Marte, mas o estar do lado continuará sendo a essência do ser humano. É importante criar condições para que os laços estiquem mas nunca rompam.

Invista fortemente em equipamentos e tecnologia para estar disponível e participar ao máximo da vida das pessoas.

E claro, compartilhar as suas muitas experiências.

5. Resolva completamente a sua vida financeira

Este ponto é crucial e pouca gente dá atenção – e infelizmente é um dos motivos (errados) pelos quais a pessoa resolve ser Nômade Digital.

Em primeiro lugar, defina e reserve o valor que vai usar na vida de Nômade Digital e como ele ficará disponível para você. Você pode criar um esquema de remessa mensal com serviços como o Western Union, como é comum com jovens em intercâmbio.

E tão importante quanto: regularize seu nome. Situações difíceis acontecem, principalmente em numa economia tão complexa como a brasileira. Eu vivi isso por escolhas erradas e não é bom viver no mundo com dívidas virando bola de neve e gerando processos. Preferi pegar um empréstimo para quitar e ficar tranquilo.

Recomendo ler este artigo do Blog Bons Investimentos, do Ricardo Cid e do Haroldo Cid, especialistas que tem informações valiosas sobre Empréstimos Online, uma modalidade rápida, segura e mais barata.

E começar tranquilo a vida de Nômade Digital.

 

VitorLima

Deixe uma resposta